Utilizamos cookies próprios e de terceiros para melhorar nossos serviços, fornecer-lhe um acesso mais rápido aos mesmos e personalizá-los através da análise de seus hábitos de navegação. Ao continuar a navegar, você aceita sua utilização. Para mais informações, consulte nossa política de cookies.

x

SERVIÇOS PÚBLICOS

O mercado de serviços públicos inclui as áreas de defesa e segurança pública (forças armadas, de segurança pública e instituições penitenciárias) portos e aeroportos.

A Aqualogy está presente em todas as operações que possam ter impacto sobre o meio ambiente (água, saneamento, energia e resíduos) e considera, de forma constante, a gestão eficiente e o controle desse impacto.

Os nossos valores: compromisso, capacidade e qualidade nos serviços que prestamos e no bom relacionamento que mantemos com nosso cliente

O nosso objetivo: Tornar-nos sócios de referência na realização de projetos na área do meio ambiente. Oferecer soluções integradas e sustentáveis ao mercado para a melhoria da eficiência hídrica, energética e ambiental, ajudando a alcançar a sustentabilidade e a competitividade em suas ações.

Os nossos esforços se baseiam em:

 

  • Otimizar o fornecimento e o consumo de água e energia.
  • Garantir a qualidade da água, desde a captação e o tratamento da água ao tratamento das águas residuais e à sua reutilização.
  • Otimizar o custo de operações relacionadas com a água com a operação e a manutenção de ativos ou o fornecimento de materiais e produtos.
  • Reduzir a contaminação e o impacto ambiental gerados nas operações diárias, obras de infraestruturas, etc., através da análise de instalações, biossegurança, gestão de descargas, ROM 5.1, entre outras.
OTIMIZAÇÃO DO CONSUMOS DA ÁGUA

OTIMIZAÇÃO DO CONSUMOS DA ÁGUA

Foi otimizado o consumo da água e reduziu o custo dos mesmos no quartel Alférez Rojas Navarrete (Alicante), através da realização de campanhas de busca de fugas de água, do controle dos consumos por meio de hidrômetros com teleleitura e da manutenção das instalações de fornecimento de água.

QUALIDADE DE ÁGUAS PORTUÁRIAS (ROM 5.1)

QUALIDADE DE ÁGUAS PORTUÁRIAS (ROM 5.1)

No porto de Tarragona levou-se a cabo a inspeção, o controlo e a análise de substâncias contaminantes da rede de coletores; a verificação das autorizações de descargas das empresas utilizadoras da rede de esgotos do porto; o estudo e o controlo de hidrocarbonetos e serviços analíticos e de logística, a inspeção e a amostragem.

GESTÃO DA ETE

GESTÃO DA ETE

Na base aérea de Torrejón de Ardoz realizou a gestão e a manutenção preventiva e corretiva das instalações de tratamento de águas residuais, dos poços de bombeamento e das fossas sépticas, com o fim de assegurar a sua correta operatividade, assim como o controle da cloração da água de abastecimento.

Com a gestão ambiental das águas residuais feita de forma correta, tanto no seu tratamento como na sua descarga posterior para as águas públicas.

GESTÃO AMBIENTAL DE INSTALAÇÕES

GESTÃO AMBIENTAL DE INSTALAÇÕES

No EVA n.º 10 realizou a manutenção das estações de tratamento de água potável e residual, as análises de legionela e o controle de descargas, fazendo a gestão correta das instalações, assim como o cumprimento da legislação ambiental.

CONTROLE E SEGUIMENTO DA QUALIDADE DAS ÁGUAS

CONTROLE E SEGUIMENTO DA QUALIDADE DAS ÁGUAS

No Aeroporto de Tenerife Sul realizou campanhas de análise e controle microbiológico das águas para consumo humano, controle de biossegurança e análise de legionela, análise da água tratada e do lodo da ETE, assim como análise da água reutilizada, cumprindo sempre as normas ambientais de qualidade.

MELHORIA DA EFICIÊNCIA HÍDRICA E CUMPRIMENTO SANITÁRIO

MELHORIA DA EFICIÊNCIA HÍDRICA E CUMPRIMENTO SANITÁRIO

No quartel de Santocildes (Astorga) foram feitas campanhas de controle de biossegurança e legionela, fornecimento de reagentes químicos para a água e busca de fugas, assim como reparações de tubulações de distribuição de água, obtendo com isso a otimização nos consumos da água e uma garantia da qualidade.

GESTÃO DE ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA

GESTÃO DE ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA

No Arsenal de Ferrol foram feitas campanhas de análise de descargas e das águas residuais, assim como estudos de melhoria das instalações de tratamento das suas águas residuais e a sua gestão.

PROGRAMAS DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL

PROGRAMAS DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL

No Porto de Algeciras foram feitos programas de vigilância ambiental (qualidade da água, comunidades, ar e ruídos) das obras de ampliação; estudos da atividade pesqueira afetada por projetos de ampliação; estudos de impacto ambiental das obras de ampliação e seguimento ambiental das operações de dragagem.

LIMPEZA DE REDES DE SANEAMENTO E DEPÓSITOS

LIMPEZA DE REDES DE SANEAMENTO E DEPÓSITOS

No quartel da Guarda Civil de Huesca foram feitas ações de limpeza dos esgotos e das fossas sépticas; limpeza dos depósitos de combustível, assim como reparações nas canalizações do poço de bombeamento. Conseguiu desta forma, melhorar a eficiência das instalações e cumprira legislação ambiental.

GESTÃO DA ETE AEROPORTUÁRIA

GESTÃO DA ETE AEROPORTUÁRIA

No Aeroporto de Barcelona-El Prat foi feita a gestão e a manutenção da estação de tratamento de águas residuais, com o cumprimento da legislação ambiental e a melhoria na eficiência da gestão.

ATIVIDADES DE FORMAÇÃO E GESTÃO AMBIENTAL

ATIVIDADES DE FORMAÇÃO E GESTÃO AMBIENTAL

Jornadas de formação na base militar El Goloso sobre os sistemas de gestão ambiental destinado aos responsáveis das unidades que prestam estes serviços.
Cursos teórico-práticos para o Seprona sobre a coleta de dados, concepção, planificação de atividades de campo e realização de coleta de amostras no âmbito da vigilância e do controle da contaminação de águas, solos e resíduos.

DETECÇÃO DE REDES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Através de um aparelho que utiliza ondas de ultra alta frequência, localizam as tubulações de água (potável e residual) enterradas. Trata-se de uma ferramenta ultrassensível que utiliza micro-ondas de alta frequência para atravessar e localizar qualquer canalização na subsuperfície.

Esta tecnologia funciona inclusive em argila, terra molhada, neve ou sobre a água, sem necessidade de um transmissor e receptor à parte, nem de cabos e clips extra. Indicado especialmente para as necessidades da indústria da água, gás natural e indústrias elétricas, o dispositivo localiza as tubulações de água de forma rápida e simples, maximizando ao mesmo tempo a eficiência no trabalho.

BUSCA DE FUGAS DE ÁGUA

As perdas físicas são aquelas originadas por rupturas ou fugas na rede de distribuição.
Para a detecção de perdas físicas, utiliza-se dois métodos: o primeiro método se baseia na propagação do som através dos diversos materiais (sistema acústico) e o segundo método em sistemas de gases marcadores com hélio (iDROLOC).

Os métodos acústicos de localização que se utilizam (geofones acústicos e eletroacústicos; equipamentos de correlação) baseiam-se principalmente nas variações de transmissão de som que produz uma fuga no solo e a saída de águas de um cano pressurizado, no seu ponto de máxima intensidade, referenciando esse som com uns pontos determinados para que situe a saída de água a uma distância de um dos pontos do trecho escolhido onde se encontra a fuga.

O método de gases marcadores (iDROLOC) permite detectar as fugas sem interromper a prestação do serviço de água. É útil tanto para a detecção de fugas de água em tubulações de grande extensão e diâmetro como em pequenas canalizações de distribuição e aduções dentro e fora do centro urbano.

TELELEITURA PARA O CONTROLE E PARA A GESTÃO DO CONSUMO DE ÁGUA

O iMeter é uma solução de teleleitura autônoma dirigida a estabelecimentos militares, assim como a centros em ambientes isolados. O iMeter permite controlar de forma precisa o consumo de um hidrômetro durante 24 horas do dia. É um dispositivo M2M (machine to machine) de fácil instalação no campo e sem a necessidade de projetos de TI.

Conectado por GPRS a um servidor central seguro e robusto, o iMeter oferece ao usuário um leque de possibilidades de gestão, controle e análise. Permite gerenciar desde alertas de fuga ou consumo anômalo a análise destinadas ao dimensionamento correto do hidrômetro

BALANÇO HÍDRICO

Através do estudo e do cálculo do balanço hídrico, analisa-se o rendimento da rede de água potável dentro da instalação militar, estima-se o consumo de cada um dos serviços prestados e comparam esses dados com o consumo total da instalação em casa.
Este cálculo do balanço hídrico serve para a detecção de fugas internas, assim como para realizar uma estimativa das possibilidades de redução da utilização desse recurso.

UTILIZAÇÃO E REUTILIZAÇÃO DE ÁGUAS PLUVIAIS

Realiza-se a estimativa do rendimento dos circuitos de reutilização e definição de pontos críticos. É estimado o regime de chuva e o volume potencial de captação.

O objetivo é conseguir a otimização e/ou implementação de sistemas eficientes de reutilização de água, assim como a implementação de sistemas de captação e utilização da água da chuva.

AUTOMATIZAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO

O objetivo é a identificação das necessidades de medição, dos pontos críticos e o controle em todos os processos ligados à água e à sua qualidade (abastecimento, recirculação, separação de gorduras e hidrocarbonetos, etc.).

Isto conduzirá a uma melhor e mais eficaz identificação e seleção de equipamentos ideais para a medição e o controle geral e contínuo do consumo dentro da instalação. O funcionamento será avaliado.

São implementados sistemas automáticos de medição e controle da qualidade de água nos pontos críticos e de decisão, nos processos internos da instalação militar.

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

A análise da eficiência energética estuda os equipamentos com maior consumo e, portanto, maior potencial de economia que os estabelecimentos militares têm em suas instalações, oferecendo soluções ou ações destinadas a melhoria operacional e de equipamentos, em função do seu investimento e da sua rentabilidade. Além disso, realiza ações de melhoria na tarifa elétrica, destinada à assessoria de otimização do contrato existente, que não se traduz necessariamente em um investimento associado. Portanto, este tipo de ações influencia em uma economia direta, o que facilita seguir com a demais melhorias.

Esta análise concentra-se no estudo de tarifas elétricas existentes, no estudo de sistemas térmicos para aquecimento e água quente sanitária, no estudo do sistema de iluminação rodoviária, assim como na análise das características (capacidade, potencial e frequência de utilização) e na avaliação do funcionamento e das necessidades de energia dos equipamentos eletromecânicos relacionados ao consumo da água.

ANÁLISE DA ÁGUA, AR E SOLOS

Análise da qualidade da água, do ar e dos solos dentro de todos os processos e serviços da instalação militar. Com este processo, conseguimos verificar o comportamento da água dentro dos diferentes processos da instalação.

Realiza o controle da qualidade das águas potáveis, o controle da qualidade dos vertidos, a análise de solos contaminados, a análise de águas reutilizadas, poços e aquíferos, a característica de resíduos, o controle da qualidade do ar, o controle de águas de hemodiálise, etc.
Realiza-se também análise físico-químicas (orgânicas, metais), análise microbiológica, análise toxicológica e análise específica de resíduos.

BIOSSEGURANÇA (LEGIONELA)

Um serviço global que inclui todas as atuações necessárias para a prevenção, controle e erradicação da legionela em todo tipo de instalações relacionadas com a proliferação e transmissão da bactéria.

O risco de infecção microbiana associada a uma instalação é variável e depende de inúmeros fatores relacionados com a localização, tipo de utilização, estado, etc. Na avaliação do risco levamos em consideração fatores estruturais (características próprias da instalação), fatores de manutenção (tratamento e manutenção realizada) e fatores de operação (funcionamento da instalação).

Com a avaliação inicial, faz um projeto específico para o controle e a manutenção adequada ao risco detectado em cada instalação.

TRATAMENTO DE ÁGUA POTÁVEL E TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS

Na exploração da ETE, ETA e estações de dessalinização, na área da operação e da manutenção, a Aqualogy desenvolve esta atividade com os seguintes objetivos: otimização dos diferentes processos através da aplicação das últimas tecnologias, a minimização de consumos energéticos e a garantia dos rendimentos no tratamento em cada um dos três âmbitos, o controle analítico da qualidade da água, assim como a gestão ambiental adequada do lodo, de resíduos, de salmouras e de subprodutos gerados nos processos de tratamento.

Projetos, construção, assistência técnica, início das atividades, manutenção e operação, otimização e controle das estações de tratamento de água, tratamento de águas residuais, tratamentos terciários para a reutilização e estações de dessalinização por osmose inversa. A Aqualogy aposta na inovação e nas tecnologias mais avançadas, assim como na qualidade da execução nas suas diversas áreas de atividade, garantindo uma gestão eficiente da água e o cumprimento de todos

CONTROLE DE VERTIDOS

É feita a revisão e/ou projeto do programa de seguimento e controle de vertidos e analisa a qualidade da água em todos os pontos críticos do processo (água de reutilização, separação de gorduras e óleos, tratamento, etc.).

Analisam as inspeções e autorizações de vertido, a legalização de instalações, as licenças, as concessões ou os recursos.
Realiza a remoção e a gestão de vertidos tóxicos e perigosos.

Descontaminação de terras. Remediação de solos. Gestão de cartuchos de balas em campos de tiro e manobras. Limpeza de tanques e tubulações que tenham hidrocarbonetos, etc.

O objetivo é garantir o cumprimento do programa de controle de vertidos e definir as possibilidades de melhoria, reduzindo o impacto ambiental e evitando a possível imposição de sanções por estas questões.

PEGADA HÍDRICA E PEGADA DE CARBONO

Calcular, levando em consideração os consumos, os vertidos e o potencial de reutilização, a pegada hídrica atual de cada instalação.
Determina-se a pegada hídrica ideal para cada instalação e certifica a responsabilidade hídrica para cumpri com a responsabilidade ambiental.

Quanto à pegada de carbono, desenvolve e concretiza uma metodologia, para determinar as emissões de gases de efeito estufa das atividades humanas e, particularmente, das atividades relacionadas com o ciclo integral da água.

CONSULTORIA E VIGILÂNCIA AMBIENTAL

A avaliação do impacto ambiental é um procedimento técnico-administrativo cuja finalidade é valorizar os efeitos adversos que um projeto, plano ou programa possa ter no ambiente antes de autorizar a execução.

A a constatação de possíveis impactos ambientais permite empregar, caso necessário, medidas para modificar, corrigir e/ou compensar, assim como a implementação de planos de vigilância ambiental nas fases posteriores à execução. Realiza-se um seguimento das águas subterrâneas e do solo da instalação, lei da responsabilidade ambiental, controle de emissões na atmosfera, e consultoria na gestão de resíduos.

Consultoria, projeto, direção de obra e controle, e vigilância de obras de restauração ambiental de espaços naturais, urbanos, periurbanos, fluviais, zonas de extração de materiais, aterros de minas ou solos contaminados.

SISTEMA DE ABASTECIMENTO E PRODUÇÃO DE ÁGUA

Instalações de água: assistência técnica especializada para problemas complexos de qualidade da água. Limpeza e desinfecção de depósitos. Projeto, instalação e manutenção de grupos de elevação, aduções e redes de saneamento, aduções e redes de distribuição de água potável. Utilização da água tratada. Busca de fugas, gestão de leituras interiores e teleleitura. Limpeza das tubulações através de ice pigging. Reparação de canalizações sem vala.

SISTEMA DE ARMAZENAMENTO

Realiza-se o estudo de necessidades existentes e futuras para o armazenamento e para a gestão da água na instalação militar.

Realiza-se o projeto, construção, manutenção e a reparação de depósitos de água, inclusive o quadro de chaves de energia e dos conjuntos de válvulas.

SISTEMA CONTRA INCÊNDIOS

Estudo, projeto, construção e manutenção do sistema contra incêndio em função das necessidades operacionais da instalação.

ESTUDO DE FONTES DE CAPTAÇÃO ALTERNATIVAS

Estudo e análise das possibilidades de captação de águas subterrâneas. Novos desenvolvimentos de poços ou melhoria dos existentes. É feito um estudo hidro geológico da camada subterrânea e dos níveis freáticos, de acordo com o seguinte plano de atuações:

  • Regularização administrativa das sondagens em exploração.
  • Diagnóstico de captações.
  • Execução de atividades corretivas e reabilitação de captações.
  • Plano de seguimento de indicadores do estado dos aquíferos explorados e eficiência das captações.

POLÍTICAS E PROCESSOS DE GESTÃO DA ÁGUA

Revisão dos manuais de processos e políticas no que diz respeito às operações da água nas instalações militares.

O objetivo é prodronizar e homogeneizar as políticas relacionadas à utilização e manipulação da água das instalações militares.

 

OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO HIDRÁULICA E ELETROMECÂNICA

A operação, manutenção preventiva e corretiva de todos os elementos hidráulicos e eletromecânicos ligados à água são avaliados.

Nossos serviços incluem a operação, exploração e manutenção preventiva e corretiva das estações de tratamento de água, de processo, de serviço, de estações de tratamento de águas residuais, de bombeamentos, de redes de saneamento de águas fecais e pluviais e de estações de tratamento terciário.

FORNECIMENTO DE MATERIAIS LIGADOS À ÁGUA

São avaliados os custos e as quantidades de fornecimentos ligados à água durante os últimos meses.

Os processos de compra e fornecimento de materiais relacionados com a água (canalizações, acessórios, peças sobresselentes de equipamentos eletromecânicos, etc.), são revisados.

O objetivo é definir padrões em materiais de reposição e reparação de elementos ligados à água e centralizar os processos de compra e fornecimento, aproveitando as nossas economias de escala.

PLANOS DE FORMAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DE SISTEMAS DE QUALIDADE

Projeto, implementação, integração, manutenção e avaliação (auditorias internas) de sistemas de gestão de qualidade (9001), ambiental (14001) e de eficiência energética (50001), assim como prevenção de riscos laborais.

DETECÇÃO DE REDES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA POTÁVEL E BUSCA DE FUGAS DE ÁGUA (E CONTRA INCÊNDIOS)

DETECÇÃO DE REDES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA POTÁVEL E BUSCA DE FUGAS DE ÁGUA (E CONTRA INCÊNDIOS)

O objetivo numa instalação militar é triplo:

  • Permite detectar os condutos e refleti-las em uma planta
  • Permite detectar as fugas de água nas redes de abastecimento e contra incêndios, representando uma economia considerável.
  • Permite detectar e conhecer o traçado das redes que não se identificam atualmente, com uma melhoria para a gestão do recurso no quartel ou da base correspondente.
INSTALAÇÃO DE UM SISTEMA DE HIDRÔMETROS DE TELELEITURA SETORIZADOS

INSTALAÇÃO DE UM SISTEMA DE HIDRÔMETROS DE TELELEITURA SETORIZADOS

Permite ter informação contínua e em tempo real dos consumos de água em cada uma das áreas ou dos setores da base, permitindo que perante qualquer fuga ou perda de água esta apareça imediatamente refletida e seja comunicada através de um alarme (para o computador ou para o celular, ou de ambas as maneiras) ao responsável da manutenção, para que possa proceder à sua localização exata e a reparação, evitando assim a perda de água e o gasto desnecessário de dinheiro

IMPLEMENTAR UMA MICROSSETORIZAÇÃO DINÂMICA

IMPLEMENTAR UMA MICROSSETORIZAÇÃO DINÂMICA

Irá permitir setorizar a rede de distribuição de água potável do quartel ou da base, com o fim de caracterizar o caudal mínimo noturno para cada um dos microssetores.

DESENVOLVIMENTO E/OU REABILITAÇÃO DE POÇOS

DESENVOLVIMENTO E/OU REABILITAÇÃO DE POÇOS

Estes poços estarão destinados ao autoabastecimento ou à irrigação das áreas verdes, incluindo os trâmites e a documentação necessária para as correspondentes legalizações perante a confederação hidrográfica.

PROJETO E CONSTRUÇÃO DE INSTALAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA

PROJETO E CONSTRUÇÃO DE INSTALAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA

Realizam-se projeto, construção de instalações relacionadas com a gestão da água (estações de tratamento de água e esgoto), redes de abastecimento e saneamento, poços, bombeamentos, etc.

GESTÃO E MANUTENÇÃO DE ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO

GESTÃO E MANUTENÇÃO DE ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO

Gestão das instalações de tratamento de água água e esgoto. Inclui manutenção preditiva, preventiva e corretiva dessas instalações